RSS

Arquivos diários: 8 de Março de 2011

filmes

Embora neste momento não veja muitos filmes como já o fiz, vou deixar 2 filmes que simplesmente adorei.

 

A noiva cadáver

 

http://www.imdb.com/title/tt0121164/

http://corpsebridemovie.warnerbros.com/

http://pt.wikipedia.org/wiki/A_Noiva_Cad%C3%A1ver

http://www.imdb.com/name/nm0000318/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Tim_Burton

 

Este filme faz-me relativizar o conceito de impossibilidade, faz-me sonhar e desejar o que à partida seria impossível…

 

Monty Python e o Cálice Sagrado

 

http://www.imdb.com/title/tt0071853/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Monty_Python_and_the_Holy_Grail

http://pt.wikipedia.org/wiki/Monty_Python

http://pythonline.com/

 

Este é uma comédia memorável bem ao estilo dos Monty Python, seriamente cómico, adoro.

 

Etiquetas: , , , ,

room of angels

Silent Hill Room of Angels Vid with lyrics

 

You lie, silent there before me.
Your tears, they mean nothing to me,
The wind howling at the window,
The love you never gave,
I give to you,
Really don’t deserve it,
But now, there’s nothing you can do.
So sleep, in your only memory
Of me, my dearest mother…

Here’s a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don’t feel enough for you to cry, [oh well]
Here’s a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

So insignificant, sleeping dormant deep inside of me,
Are you hiding away, lost, under the sewers,
Maybe flying high, in the clouds?
Perhaps you’re happy without me…
So many seeds have been sown in the field,
And who could sprout up so blessedly,
If I had died I would have never felt sad at all,
You will not hear me say ‘I’m sorry’
Where is the light, wonder if it’s weeping somewhere?

Here’s a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.

I don’t feel enough for you to cry, [oh well]
Here’s a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here’s a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don’t feel enough for you to cry, [oh well]
Here’s a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

Here’s a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don’t feel enough for you to cry, [oh well]
Here’s a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],

Here’s a lullaby to close your eyes.
[Goodbye]
It was always you that I despised.
I don’t feel enough for you to cry, [oh well]
Here’s a lullaby to close your eyes,
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye],
[Goodbye].

 

Akira Yamaoka – Room of Angels

http://pt.wikipedia.org/wiki/Akira_Yamaoka

http://www.akirayamaoka.net/fanlisting/

 

Descobri esta música quando estava a jogar Silent Hill 4 – The Room, adoro a melancolia, a tristeza, a nostalgia e a paz que me transmite. Espero que gostem.

 

http://pt.wikipedia.org/wiki/Silent_Hill_4:_The_Room

http://www.gamespot.com/ps2/adventure/silenthill4theroom/index.html

http://pt.wikipedia.org/wiki/Silent_Hill_4_Original_Soundtrack

 
2 Comentários

Publicado por em 8 de Março de 2011 em akira yamaoka, música, room of angels

 

Etiquetas: , ,

para ti…

Para Ti

 

Foi para ti
que desfolhei a chuva
para ti soltei o perfume da terra
toquei no nada
e para ti foi tudo

Para ti criei todas as palavras
e todas me faltaram
no minuto em que talhei
o sabor do sempre

Para ti dei voz
às minhas mãos
abri os gomos do tempo
assaltei o mundo
e pensei que tudo estava em nós
nesse doce engano
de tudo sermos donos
sem nada termos
simplesmente porque era de noite
e não dormíamos
eu descia em teu peito
para me procurar
e antes que a escuridão
nos cingisse a cintura
ficávamos nos olhos
vivendo de um só
amando de uma só vida

Mia Couto, in “Raiz de Orvalho e Outros Poemas”

 

 

foi por ti…

foi para ti…

tu, que és,

o meu mundo,

a minha vida,

o resto de mim,

a minha melhor parte…

 

 
4 Comentários

Publicado por em 8 de Março de 2011 em amor, eu, mia couto, para ti

 

Etiquetas: , , ,

why does my heart feel so bad?

Moby – Why Does My Heart Feel So Bad?

 

 

Why does my heart

Why does my heart
Feel so bad?
Why does my soul
Feel so bad?

These open doors

 

porque não estás aqui, comigo…

 

Etiquetas: , , , ,

mad world

Gary Jules – Mad World ( original de Tears for Fears)

 

All around me are familiar faces
Worn out places, worn out faces
Bright and early for their daily races
Going nowhere, going nowhere
Their tears are filling up their glasses
No expression, no expression
Hide my head I want to drown my sorrow
No tomorrow, no tomorrow

And I find it kinda funny
I find it kinda sad
The dreams in which I’m dying
Are the best I’ve ever had
I find it hard to tell you
I find it hard to take
When people run in circles
It’s a very, very mad world mad world

Children waiting for the day they feel good
Happy Birthday, Happy Birthday
And I feel the way that every child should
Sit and listen, sit and listen
Went to school and I was very nervous
No one knew me, no one knew me
Hello teacher tell me what’s my lesson
Look right through me, look right through me

And I find it kinda funny
I find it kinda sad
The dreams in which I’m dying
Are the best I’ve ever had
I find it hard to tell you
I find it hard to take
When people run in circles
It’s a very, very mad world … mad world
Enlarging your world
Mad world

 

“And I find it kinda funny
I find it kinda sad
The dreams in which I’m dying
Are the best I’ve ever had”

 

Vivemos mesmo num mundo estranho, aonde há cada vez menos amigos e mais conhecidos. Conseguimos viver num prédio sem conhecer os vizinhos durante anos. Vivemos num mundo aonde as pessoas morrem sozinhas e só se descobre anos depois. Vivemos num mundo aonde abandonamos os idosos no hospital e os recém nascidos na rua. Vivemos num mundo cada vez mais egocêntrico mas que damos pouco valor às coisas mais importantes, amizade, felicidade, realização, conforto, amor… Queremos um mundo melhor para as pessoas mas esquecemos de ser pessoas melhores para este mundo e para os outros. Vivemos em constante correria para não chegar a lado nenhum e no fim… apenas morrer… MAD WORLD.

 
2 Comentários

Publicado por em 8 de Março de 2011 em gary jules, mad world, música, mundo, solidão, vida

 

Etiquetas: , , , , ,

anjos de uma asa

 

We are each of us angels with only one wing, and we can fly only by embracing each other.

— Luciano De Crescenzo
 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 8 de Março de 2011 em amor, anjo

 

Etiquetas: ,

Dia da mulher

 

“A mulher é o ser mais perfeito entre as criaturas; é uma criação transitória entre o homem e o anjo.”

Honoré de Balzac


Alma de Mulher

Nada mais contraditório do que ser mulher …
Mulher que pensa com o coração,
age pela emoção e vence pelo amor.

Que vive milhões de emoções num só dia e
transmite cada uma delas, num único olhar.

Que cobra de si a perfeição e vive
arrumando desculpas para os erros,
daqueles a quem ama.

Que hospeda no ventre outras almas, da a luz
e depois fica cega, diante da beleza dos filhos que gerou.

Que dá as asas, ensina a voar mas não quer ver partir
os pássaros, mesmo sabendo que eles não lhe pertencem.

Que se enfeita toda e perfuma o leito, ainda
que seu amor nem perceba mais tais detalhes.

Que como uma feiticeira transforma
em luz e sorriso as dores que sente na alma,
só pra ninguém notar.

E ainda tem que ser forte, pra dar os ombros
para quem neles precise chorar.

Feliz do homem que por um dia souber,
entender a Alma da Mulher !!!

Fátima Ayache

 

 

Uma rosa para todas as mulheres deste mundo, que a merecem não só hoje mas todos os dias da vida. Em especial à minha mãe, à minha mana e ao meu amor a quem devo tudo.

 

anjos

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 8 de Março de 2011 em alma, amor, dia da mulher, mulher

 

Etiquetas: , , ,

 
%d bloggers like this: