RSS

espondilolistese L4L5

29 Mar

Recentemente fui submetido a uma intervenção cirúrgica por causa de uma espondilolistese L4L5, pensava que só colocavam uns ferrinhos para correcção da distância entre as vértebras, mas foi bem mais que isso, ficam aqui os raios x dos “ferrinhos”… Por isso é que passei alguns dias sem “postar” nada.

A cicatriz também é bem maior do que eu estava à espera…

 

http://www.herniadedisco.com.br/doencas-da-coluna/espondilolistese

http://pt.wikipedia.org/wiki/Espondilolistese

Anúncios
 
81 Comentários

Publicado por em 29 de Março de 2011 em espondilolistese

 

Etiquetas:

81 responses to “espondilolistese L4L5

  1. Lincoln Palopoli

    28 de Outubro de 2011 at 10:57

    Amigo eu tambem tenho este problema na L5 S1 atividade fisica não resolveria este problema ou e necessario fazer cirurgia, alongamento resolve.

     
    • jorgemiguelcs

      28 de Outubro de 2011 at 20:45

      Amigo, ainda fiz alguma fisioterapia antes da cirurgia mas não resultou, agora, após 7 meses da cirurgia já me sinto bem melhor, as dores que eu tinha devido à compressão dos nervos passaram totalmente. Embora já tenha voltado ao trabalho, ainda estou um bocado limitado mas aos poucos vou voltando ao normal.

       
      • Dirney

        22 de Janeiro de 2014 at 11:56

        E ai td bem?Então eu acabo de fazer essa cirurgia, estou ainda de cama, mas logo começarei as caminhadas, fiz na L5 tenho dois pinos na L4 dois na L5 e dois na S1 para manter tudo firme, eu estava buscando formas de fisioterapia, vc acha que ajuda?

         
        • jorgemiguelcs

          23 de Janeiro de 2014 at 8:23

          A mim, as caminhadas e a fisioterapia ajudaram mesmo muito.
          As melhoras e que tudo corra bem.

           
      • Anónimo

        25 de Julho de 2015 at 23:59

        Olá. Meu nome é Giselda tenho espondilolistese grau 1 tenho dores a todo o momento de pé não consigo ficar nem 10 minutos e doi muito TB deitada, gostaria de saber qual grau da sua espondilolistese e se VC sabe se o grau 1 TB se faz cirurgia? Obrigada.

         
    • David

      3 de Junho de 2013 at 19:54

      Procure saber sobre o PILATES…. pergunte ao seu Fisioterapeuta de confiança.

       
      • jorgemiguelcs

        4 de Junho de 2013 at 21:34

        Já ouvi falar David e já pesquisei na net mas vou-me informar melhor.

         
  2. Bárbara

    29 de Fevereiro de 2012 at 13:09

    Oi, jorge. eu fiz essa fixação com parafusos, mas em 3 vértebras. já tem 1 ano e 2 meses q operei, mas não tive grandes melhoras não. vc faz algum tipo de atividade ou de tratamento pós cirurgia? eu faço natação, mas também não está adiantando. Além disso, tenho formigamento nós pés e nas pernas, já tinha ante de operar e a cirurgia também não resolveu. estou buscando alternativas , pq tenho só 24 anos , mas do jeito q estou não sei se aguento muito mais não. um abraço.
    Bárbara.

     
    • jorgemiguelcs

      29 de Fevereiro de 2012 at 21:43

      Oi Bárbara. Antes de mais quero lhe desejar as melhoras. A minha cirurgia faz um ano daqui a um mês e para já sinto-me bem melhor. Por vezes tenho dores mas nada que se compare às dores que tinha antes. As únicas actividades que fiz pós cirurgia foi fisioterapia e andar muito. Fiz meses de fisioterapia e caminhada, estive quase um ano em casa, quatro meses antes da cirurgia e oito meses depois. O meu ortopedista acha que mais cedo ou mais tarde vou precisar de nova cirurgia para corrigir a vértebra acima, também apresenta muito desgaste mas para já não me causa problemas. Espero que não seja necessário mas se tiver de ser, que seja. Também fui aconselhado a fazer natação mas para já ainda não estou a fazer mas estou a ponderar começar. Tente pedir uma segunda opinião para saber que mais possa ser feito e coragem. Espero que melhore Bárbara. Fique bem. Abraço.

       
  3. Leticia Stephany Nascimento de Andrade

    12 de Junho de 2012 at 12:31

    Oi!tenho 16 anos e faz um pouco mais de dois meses que descobri que tenho espondilolistese l5-s1 grau 5!,estou aguardando a cirurgia…espero que ocorra tudo bem,e que a recuperação seja rapida!

     
    • jorgemiguelcs

      12 de Junho de 2012 at 22:18

      Olá Leticia, já fiz a minha cirurgia em março do ano passado, para já estou bem melhor. Espero que tudo corra bem para ti e que recuperes bem e rápido. Fica bem.

       
      • Anónimo

        31 de Outubro de 2012 at 19:02

        oi, bom a todos que fizeram essa cirurgia, eu fiz faz quatro anos, tinha o mesmo problema que a leticia L5 S1 tenho 25 anos, fiz com 21, quando fiz melhorei 90% as dores passaram, tive uma recuperação rápida e em 8 meses após a cirurgia retornei ao trabalho, mais depois de dois anos a dores voltaram e meus nervos siáticos onde a vertebras haviam esmagado, inflamam pelo menos umas duas vezes por ano. estou novamente em tratamento, tenho neuropatia em consequencia da espondilolistese, e agora tem novos nervos enflamando, vou fazer uma nova ressonancia magnetica pra ver, pq meu ortopedista acha que as vertebras de cima estao com problemas tambem, se eu puder ajudar com as duvidas de alguem eu pesquisei muito antes de operar. melhoras pra todos.

         
        • jorgemiguelcs

          1 de Novembro de 2012 at 14:19

          Olá, 6 meses após a cirurgia já estava apto para trabalhar e, para já, ainda não me posso queixar das dores, raramente tenho. Ainda só passou cerca de ano e meio depois da cirurgia mas espero que tudo continue bem como tem estado, mas por ordens médicas vou ser acompanhado durante 3 anos, em que vou ter de fazer raio x de 6 em 6 meses para ver a evolução. As melhoras.

           
    • Paulo Roberto

      12 de Fevereiro de 2014 at 3:37

      Olá,estou prestes a operar a L5 S1 grau 4 estou muito nervoso ,mas graças a seus depoimentos estou acostumando com a idéia,obrigado por compartilhar sua experiência

       
  4. Suely Xavier

    18 de Novembro de 2012 at 17:12

    Olá!
    Fiz a cirurgia 12 atras (L5 S1). No meu caso a cirurgia era a única opção devido a forte compressão no nervo da perna esquerda! Ainda sinto muitas dores, mas, acredito no trabalho do meu ortopedista e vou fazer o q for preciso para que minha recuperação seja completa! Acredito que a parte mais difícil é estar completamente dependente de outras pessoas, mesmo sendo pessoas que dariam a vida por você, mas, tenho fé que tudo vai dar certo, afinal de contas, não posso e não devo me entregar aos pensamentos negativos! Obrigada Jorge Miguel por nos ceder um pedacinho do seu espaço para falarmos sobre nossas experiências com a espondilolistese! é sempre bom desabafar com quem passa ou passou pelas mesmas coisas q a gente! Abraços!

     
    • Suely Xavier

      18 de Novembro de 2012 at 17:13

      *Fiz a cirurgia a 12 dias

       
      • jorgemiguelcs

        21 de Novembro de 2012 at 22:57

        Força amiga. Desejo-lhe tudo de bom e as rápidas melhoras.
        Abraço.

         
  5. luiza

    7 de Dezembro de 2012 at 4:45

    Hj faz um mês e 5 dias que operei,estou muito bem apesar de ter tido rejeição de pontos. Meu corte ainda não cicatrizou totalmente ,estou só esperando fechar totalmente pra começar a hidroterapia =D Meu grau era 3 e minha listese era L5/S1,coloquei 4 parafusos. 🙂

     
    • jorgemiguelcs

      8 de Dezembro de 2012 at 23:02

      Olá Luíza, desejos de uma rápida e total recuperação. Não cheguei a fazer hidroterapia mas fiz meses e meses de fisioterapia.

      As melhoras 🙂

       
  6. Fabiana Moraes

    15 de Dezembro de 2012 at 15:55

    Olá!

    Sou ATLETA prifissional de ATLETISMO 100 METROS SOBRE BARREIRAS

    Finalmente encontrei pessoas que sabem como me sinto de fato.. (L5-S1) não sei o grau da minha lesão, só sei que tem um pedacinho da minha coluna que não se desenvolveu e por isso a L5 escorrega…

    Quero dizer que aprendi a conviver c/ a dor, faço exercícios de estabilização que aprendi só longo de 10 anos +-
    As vezes passo períodos sem dor, já me recomendaram cirurgia, nunca quis fazer e pelos depoimentos acima NÃO FAREI… Percebi em seus relatis uma melhora por alguns anos naqueles que a fizeram mas depois a dores voltaram ou surgiram novos problemas…

    Enfim, gostaria de ser positiva em relação aos fortalecimentos e tratamentos que existem, se sou ATLETA e consigo ficar períodos sem dor, acredito que vocês meus amigos possam obter una melhora mais significativa que a minha… Meu Ortopedista esportivo Dr. CRISTIANO LAURINO me acompanha a +- 6 anos ele é ótimo!

    Rezo e peço a Deus que um dia alguém descubra um tratamento não cirúrgico para que um dia quem sabe eu possa ir dormir e acordar sem dor!

    Bjs Fabi

     
    • jorgemiguelcs

      15 de Dezembro de 2012 at 21:43

      Olá Fabi

      Falo por mim quando digo que a cirurgia me fez muito bem, pelo menos para já, mas não sei o que o futuro me reserva. Não sei se, como a maioria dos depoimentos mostra, voltarei a ter dores. Fui operado entre a L4-L5 mas sei que futuramente poderei ser entre a L5-S1 que também já apresentava problemas. Espero que não. De qualquer modo desejo à Fabi as melhoras e que as dores melhorem ou passem, porque sei bem o quanto as dores são fortes.

      As melhoras e tudo de bom.

      Bjs

      Jorge Miguel.

       
    • marcia

      16 de Junho de 2013 at 13:52

      Veja tratamento de fisioterapia com bases em RPG, Eutonia, Metodo Schorth, Conceito Sohier em SP Capital

       
  7. Anónimo

    24 de Dezembro de 2012 at 14:21

    Olá a todos, eu tenho espondilolistese L5S1 e ainda nao fui operada, nem sei se vou ser… tenho muitas dores e crises que me impedem de trabalhar. Hoje é dia 24 de Dezembro e eu estou com dores…nem me apetece celebarar o Natal. Fiquem bem.

     
    • jorgemiguelcs

      25 de Dezembro de 2012 at 21:52

      Olá, já passei tempos assim também. Houve fases em que não aguentava 5 minutos de pé, agora sinto-me bem melhor. Desejo-te as melhoras e um excelente Natal.

      fica bem,

      Abraço.

       
      • Paulo Roberto

        11 de Fevereiro de 2014 at 2:17

        Olá Jorge, tenho a l5 s1 grau 4 ,gostaria de saber quanto tempo de internação, quanto tempo de cama , etc

         
        • jorgemiguelcs

          13 de Fevereiro de 2014 at 16:38

          Olá Paulo,
          No meu caso, estive 6 dias no hospital e 6 meses depois já tinha voltado ao trabalho. Tempo de cama só mesmo no hospital, em casa embora passasse muito tempo a descansar já fazia caminhadas e fisioterapia, com muito cuidado.

          Abraço e que tudo corra bem :).

           
  8. Lucas

    20 de Janeiro de 2013 at 21:38

    Também tenho espondilolistese L4/L5 já fiz vários tratamentos injeções etc , mas ainda muitas dores e estou preocupado com a cirurgia, as vezes nem 5minutos em pé . Estou com 43 anos ea pelo menos 5 anos com este problema.

     
    • jorgemiguelcs

      22 de Janeiro de 2013 at 17:28

      Lucas também fiz vários tratamentos antes da cirurgia e nada resultou, as injeções e a fisioterapia aliviavam temporariamente as dores mas só a cirurgia me tirou as dores, pelo menos para já.

      As melhoras Lucas.
      Abraço.

       
  9. Andressa

    5 de Abril de 2013 at 23:28

    Oi. boa noite, também tenho espondilolistese grau 4, tenho 20 anos, sinto muitas dores, ao ponto de nao conseguir ficar em pé por muito tempo, meu ortopedista disse que tenho que fazer a cirurgia, mas algumas pessoas ficam me pondo medo, esses comentarios me deram força para acreditar que vai dar tudo certo, mas tenho algumas duvidas, como do tipo: se as dores passam, se a deformidade nas costas desaparece, e em que Estado do Brasil foi feita a sua cirurgia? porque a minha seria em Teresina-PI , mas fiquei sabendo ontem que terei que ser transferida pra outro Estado, devido ser um caso de alta complexidade. Estou preocupada’

     
    • jorgemiguelcs

      8 de Abril de 2013 at 8:07

      Olá Andressa. Só posso responder por mim, no meu caso as dores desapareceram e a única “deformidade” vísivel é mesmo a cicatriz. Eu sou de Portugal, a minha operação foi num hospital do Porto com um médico especializado em problemas da coluna. Como já o referi antes, fiquei bem e sem dores nenhumas mas também percebi por alguns comentários que há casos em que as dores continuam após a cirurgia. Eu também tinha medo mas também sabia que não podia continuar a viver assim, já não conseguia trabalhar e tinha muitas dores só por estar de pé. Acho que tens de pôr as dúvidas ao teu ortopedista e perguntar tudo o que queres saber.

      As melhoras e que tudo corra bem.

       
  10. Andressa

    9 de Abril de 2013 at 19:17

    Entendi, obrigada Jorge.
    Espero que dê tudo certo, quero logo ficar boa, não suporto mais essas dores, atrapalha muito minha vida social.

     
    • jorgemiguelcs

      9 de Abril de 2013 at 20:46

      O que quer que decidas desejo-te tudo de bom e que tudo corra bem.

      Fica bem Andressa.

       
    • Anelise

      27 de Abril de 2013 at 2:33

      Oi Andressa, meu nome é Anelise, tenho 31 anos e sou do RS, resido em Poa. Descobri faz um mês que tenho espondilolistese grau 4 na L5 S1, não tenho muitas dores mas os exames indicam compressão dos nervos…fui em vários médicos e a grande maioria indicou cirurgia pois parece que já há diminuição de força na minha perna direita com possibilidade de paralisia do pé . Ainda não tenho nada definido…nem se vou fazer a cirurgia e nem quando…tenho muito medo…penso nisso todos os dias….você já definiu se vai fazer? quantos parafusos vão colocar? procura saber exatamente o que será feito na tua coluna. No meu caso (se eu fizer) serão 6 parafusos e um extensor…enfim…Abraços e mande notícias, acho que vai nos fazer bem trocar informações pois estamos na mesma situação…

       
      • jorgemiguelcs

        2 de Maio de 2013 at 20:30

        Desejo que tudo vos corra bem e as melhoras rápidas.
        Jorge Sousa

         
        • Anelise

          2 de Maio de 2013 at 22:54

          Olá Jorge, obrigado pelos votos. Como você está? espero que bem. Gostaria de saber mais sobre esta cirurgia, não quero parecer invasiva ou curiosa mas gostaria que você contasse alguns detalhes, por exemplo quantas horas de cirurgia foi? quando você acordou sentiu dor? em algum momento depois da cirurgia você sentiu dor no corte ou algo assim? teve que fazer quanto tempo de fisioterapia depois da cirurgia? quais a limitiações que você tem (se ficou com alguma ou se já tinha)? se fosse necessário faria ela novamente? estou perguntando tudo isso porque preciso fazer essa tal cirurgia…estou com muito medo, e estou tentando me informar o máximo possível sobre o assunto para encarar isso da melhor forma possível e ir me preparando psicologicamente. Desde já agradeço pelas informações.

           
          • jorgemiguelcs

            6 de Maio de 2013 at 21:00

            Olá Anelise. Para já, desde a cirurgia, tenho estado bem, felizmente. A cirurgia demorou cerca de quatro horas. O pós operatório foi complicado, tive muitas dores, cheguei a demorar cerca de meia hora s+o para me virar na cama, tive muitas dores durante alguns dias mas depois foi melhorando. Fiz fisioterapia cerca de cinco meses que incluía ginástica e exercícios. choques musculares, ultra sons e calor na zona lombar. Além disso fazia caminhadas diárias de cerca de 6 Km. A única limitação com que fiquei foi a de não poder levantar pesos mas tirando isso tenho uma vida perfeitamente normal :). Ainda tenho espondilolistese L5-S1 e talvez tenha de voltar a realizar a mesma cirurgia, claro que não a quero fazer mas se tiver de a fazer, faço. Estava num estado em que já não aguentava nem cinco minutos de pé e isso atrapalhava a minha vida toda a todos os níveis, se voltasse a acontecer repetiria a cirurgia, de certeza. Custou mas valeu bem a pena. espero ter ajudado a esclarecer algumas dúvidas. Desejo-lhe a maior das sortes e uma rápida melhora.

            Abraço

            Jorge Sousa

             
      • Andressa

        18 de Abril de 2014 at 17:03

        Anelise, onde você fez sua cirurgia?

         
  11. Mozartg

    22 de Abril de 2013 at 14:48

    Olá, eu tenho a doença espndilolistese, descobri à 10 meses ja fui em 2 medicos semana que vem ou no terceiro, tenho 53 anos e ja fiz fisioterapia, acupuntura, e hidroterapia, mas não adiandou, tive uma melhora mas conforme os médicos terei mesmo que fazer a cirugia meu problema é L4 e L5, dizem, os médicos, que terei de colocar 4 parfusos e com falnge, não entendo nada disto mas o meu maior receio é fazer a cirurgia e depois as dores voltarem, pois hoje não consigo se quer parar em pé por muito tempo que tenho que procurar algo para me apoiar, quando ando não doi tanto do que parado em pé, agora, sentado ou deitado não sinto absolutamente nada.

     
    • jorgemiguelcs

      2 de Maio de 2013 at 20:29

      Olá Mozartg, sei que muitas pessoas tem receio das dores continuarem após a cirurgia e sei que em alguns casos isso acontece. No meu caso não tenho mais dores, felizmente. Também não conseguia estar mais de cinco minutos de pé. Só lhe posso desejar as rápidas melhoras qualquer que seja a sua decisão. Eu pensava assim antes da cirurgia, se eu não a fizesse não conseguiria fazer nada, se fizesse teria a hipótese de ficar melhor.

      As melhoras
      Jorge Sousa.

       
  12. Ricardo Luiz Rúbio

    10 de Maio de 2013 at 17:05

    Prezados Amigos; Se voces tivessem conhecido o Conceito Sohier, antes de realizarem as suas cirurgias, bem provável que não as teriam feito. Procurem no Google Conceito Sohier ou Fisioterapia Articular Analítica, e vão tomar conhecimento deste Método.

     
  13. Andressa

    4 de Junho de 2013 at 17:49

    ola Anelise, agora que vim olhar seu comentário, Sim ja decidi que vou fazer a cirurgia, ainda nao sei em qual Estado, mas ja estar tudo encaminhado pelo SUS, o médico ainda nao me disse ao certo a quantidade de parafusos, so me disse que é necessário que eu faça para que parem as dores, eu devo confiar, é melhor que ficar o resto da vida assim, 😦 estou aguardando a cirrugia.
    Abraços

     
    • jorgemiguelcs

      4 de Junho de 2013 at 21:32

      Olá Andressa,

      desejo-te a maior das sortes e que tudo corra bem 🙂

      Abraço.

       
  14. Andressa

    5 de Junho de 2013 at 18:47

    Obrigada, suas palavras me dão força 🙂
    Não vejo a hora de realizar essa cirurgia.
    abraços’

     
  15. Anónimo

    20 de Julho de 2013 at 0:03

    Olá me chamo Goreti e trabalho com Massoterapia Clinica e Quiropraxia e trabalho com glucosamina e condroitina que reconstrói discos e a cartilagem ….Seria interessante vcs se informarem a respeito…..Espero ter ajudado….abraços

     
    • jorgemiguelcs

      20 de Julho de 2013 at 21:30

      Obrigado pela dica Goreti, vou tentar saber mais sobre isso.
      Abraço.

       
  16. Claudio Ferreira - Porto - PORTUGAL

    5 de Setembro de 2013 at 16:05

    Sou mais um com este problema, espondilolistese… só não sei o grau…
    Descobri este ano no mês de Março que tinha um problema grave nas costas, quando depois de uma semana intensiva de treinos, quase que não conseguia caminhar com as dores que sentia.
    Após a ida ao hospital decidi ir consultar um ortopedista que me esclareceu tudo, apontando para a operação caso não consiga aliviar as minhas dores… o que é certo é que as dores continuam comigo e só passam na totalidade quando estou deitado ou a fazer desporto (natação, correr, bicicleta e musculação). Tenho dias com dores mais fortes, tenho dias com dores mais fracas e tenho dias até que me esqueço das dores – fantásticos dias estes. Quando treino, como fico mais quente, a lubrificação criada pelo meu corpo faz com que não tenha dores e aproveito aí para fortalecer a zona abdominal e lombar (CORE). Noto bastantes melhorias nas minhas posturas e até no aguentar das dores que antes era bem difícil e noto que hoje já suporto bem melhor…

    Tenho uma série de perguntas a fazer e quem me souber responder, agradecia…

    Tempo de recuperação após cirurgia???

    Os vossos médicos indicaram a operação com a salvação para o problema?

    Depois da recuparação, a actividade física fica completamente abolida das nossas vidas? Quando digo actividade física não falo em “dar caminhadas” mas sim, por ex. poder jogar um futebol com amigos…

    Os parafusos colocados, ficam para sempre?

    Pergunta para Jorge Miguel, em que hospital foste operado??? Pelo Particular ou Público?

    Abraço a todos, desejo de melhoras… Sejam Felizes…

     
    • jorgemiguelcs

      9 de Setembro de 2013 at 17:28

      Olá Cláudio.

      Penso que o tempo de recuperação varie de pessoa para pessoa, no meu caso, seis meses após a cirurgia já estava a trabalhar. Estive seis meses antes da cirurgia a fazer fisioterapia e outros exercícios para evitar a cirurgia mas apenas aliviavam temporariamente as dores. No meu caso a cirurgia foi apontada como a resolução do problema e até agora tem sido, não me posso queixar de dores mas, como tenho lido, não é regra geral. Ainda tenho um elo com problemas mas enquanto não tiver dores não é necessária nova cirurgia, diz o meu ortopedista que posso nem vir a ter dores. A única limitação com que fiquei foi a levantar pesos, o que penso ser temporário. Os parafusos podem der retirados após a calcificação total do lugar da operação mas não vejo porque os retirar, não me vou submeter a uma cirurgia para os retirar. Penso que essas dúvidas todas podes perguntá-las ao teu ortopedista.

      Fui operado no Hospital da CUF, vou-te deixar o link de contactos do ortopedista que me operou, que é um especialista da coluna:
      http://correiamartins.pai.pt/

      Abraço e desejos de melhoras, alguma dúvida que eu possa esclarecer, não hesites em contactar.

       
  17. farley

    12 de Setembro de 2013 at 17:34

    Olá, também estou na luta, tenho espondiolistese l5 s1 grau2, a 1 ano e 2 meses, tentando de tudo pra não ter q fazer a cirurgia, muita fisioterapia, rpg e agora hidroterapia …estava bem melhor a uns vinte dias a traz mais acabei estrapolando e a dor terrivel voltou,estou na duvida se faço ou não a cirurgia tenho 32 anos e também tenho medo. Foi muito bom ter encontrado estes relatos vão me ajudar na minha decisão desejo melhoras a todos fiquem com Deus.

     
  18. Cláudio Ferreira

    13 de Setembro de 2013 at 14:15

    Boa Tarde,

    Desde já muito obrigado pela tua resposta.
    É muito bom poder esclarecer as minhas dúvidas com pessoas com o mesmo problema, melhor era se estivessemos bem sem problema nenhum…

    O meu receio é ficar impedido de praticar actividade física, daí ainda não me ter submetido a mais consultas, para dar início ao processo de operação.
    Quando dizes que não podes levantar pesos, referes-te a praticar musculação ou na simples tarefa de pegar nas sacas do supermercado??? É temporário ou definitivo???
    Não pegas em “pesos” porque não podes ou porque te foi aconcelhado a não o fazeres???
    Notas nos teus movimentos, principalmente quando te curvas e dobras as costas, algo que te prende ou é como se não sentisses nada e estivesse tudo normal???

    A operação foi serviço privado ou serviço público??? Podes-me facultar valores, se não for incomodo é claro…

    Obrigada mais uma vez pela ajuda…
    Um grande Abraço
    Cláudio Ferreira

     
    • jorgemiguelcs

      16 de Setembro de 2013 at 8:16

      Olá Cláudio

      Quando me refiro a pesos, refiro-me a coisas pesadas e não a musculação e penso ser definitivo, por ordens médicas. A verdade é que sei que tenho levantado na mesma e não tenho tido dores mas, como já referi antes, penso que isso varie de pessoa para pessoa. Basicamente só sinto dores (e cada vez menos) quando estou um pouco curvado, como por exemplo a varrer ou a aspirar, mas depois passa rápido.
      A minha cirurgia foi através do privado, porque tenho médis pelo que não paguei quase nada (200 €) pela cirurgia e 6 dias de internamento. O normal seriam 4 dias mas tive febre e tive que ficar mais 2 dias. Penso que o valor normal não é menos de 8000 €.

      Abraço e as melhoras.

       
  19. Anónimo

    1 de Dezembro de 2013 at 1:16

    Ola,amigos! Tenho 71 anos,passei pela cirurgia L4 L5,no dia 12-9-2013.Graças a Deus ,o meu ortopedista Dr.Adriano Cabral Vasconcelos foi um sucesso.Me sinto bem,estou fazendo meus afazeres domesticos,com todo o cuidado, sem varrer e carregar peso.Minhas dores antigas,adormecimento no dedao ,dores na coxa esquerda que nao podia me deitar desse lado a dor eera insuportavel! Agora ja posso fazer caminhada, faço analgesia,tudo com ordem medica.Tenha fe em Deus e confiança no seu cirurgiao !!!abraços. Eunice Gomide;

     
  20. Dirney

    22 de Janeiro de 2014 at 12:32

    Olá pessoal,eu pensava que era o único que sofria desse problema, não aguentava dormir e acordar pior, as vezes não conseguia nem me levantar da cama, eu tenho na L5 S1 como a maioria do pessoal, eu acabei de fazer a cirurgia, dia 09-01-14, espero resultados positivos com isso, depois de ter pensado muito e ter buscado opiniões com vários médicos decidi fazer a cirurgia.tenho 6 pinos dois na S1 , dois na L5 e dois na L4 , tudo isso para manter a L5 mais firme.Estou agora a busca de uma forma de exercícios para melhorar o condicionamento físico, e ajudar na recuperação pós operatório.já ouvi sobre, RPG, natação, Hidroginastica, Dip ,Pilates.Então ainda não sei nem o que fazer…

     
  21. evandro.moreira.nunes@gmail.com

    28 de Fevereiro de 2014 at 19:52

    Olá, boa tarde à todos.
    Estou próximo de passar por cirurgia de correção de espondilolistese l2/l3 – diferente da maioria de vcs. As dores tem se agravado, há 4 anos convivo com isso e só tem piorado.
    Sei que estou depressivo e angustiado com a situação, mas creio que a cirurgia vai me trazer mais benefícios do que o contrário.
    Deus abençoe a todos e que tenham plena recuperação.
    Abraços!

     
    • jorgemiguelcs

      19 de Março de 2014 at 11:27

      Boa sorte Evandro, espero que tudo corra bem.
      Abraço.

       
  22. Vasthi Cleuza Cid Sotelo Lorenzo

    31 de Março de 2014 at 23:37

    Tenho 62 anos e dia 04/04/2014, próxima 6ª feira, farei a cirurgia da coluna. Tenho espondilolistese na L4, L5 e S1, grau I. Sr. Jorge Miguel seu blog tem me ajudado muito.
    Agradeço antecipadamente pela sua atenção em responder-me.
    Por favor, o senhor pode me dizer quanto tempo demorou a sua cirurgia?
    Quantas horas após a cirurgia o senhor precisou ficar deitado de bruços?
    Quantos dias ou horas levou para o senhor voltar a andar?
    Como foi o pós operatório em casa?

     
    • jorgemiguelcs

      1 de Abril de 2014 at 10:45

      Olá Vasthi, antes de mais nada quero desejar que tudo corra bem.
      A minha cirurgia ainda demorou algumas horas, penso que cerca de 4 horas, mas no meu caso era apenas L4 e L5. Quando acordei da cirurgia já não estava de bruços, por isso não sei quanto tempo estive de bruços. No dia seguinte à cirurgia andei alguns metros na companhia do médico e enfermeiros, mas foram uns metros complicados com muitas dores. Dois dias depois comecei a andar de muletas aos pouquinhos e cada vez mais. Estive seis dias no hospital (a previsão era de quatro dias mas tive febre e fiquei mais dois por precaução) e quando fui para casa já conseguia aguentar andar algum tempo de muletas mas descansava muito também. Algum tempo depois, penso que 3 a 4 semanas após a cirurgia, comecei a fisioterapia e andava cerca de 6 a 7 km por dia para ajudar a recuperar os músculos lombares. O pós operatório ao principio não foi fácil, lembro-me que para conseguir virar-me na cama era muito doloroso mas foram só alguns dias.

      Alguma dúvida, é só perguntar.
      Boa sorte.

      Jorge Miguel

       
      • ão fala

        24 de Abril de 2014 at 11:46

        Olá Sr. Jorge Miguel! Bom dia! Obrigada por responder-me. Já fui operada, correu tudo muito bem, realmente não sei quanto tempo fiquei de bruços porque ao voltar da anestesia já estava deitada de barriga para cima. Comecei a andar com ajuda da fisioterapeuta no dia seguinte ao da cirurgia, fiquei hospitalizada 5 dias porque tive uma febrezinha, (a previsão era de 3 dias). Ontem tirei os pontos. O doutor disse que posso fazer de tudo, mas muito devagar e com calma, disse que fisioterapia ainda não, porém, acho essa orientação muito vaga, e o doutor não fala muito. Sinto dores para virar-me na cama, mas já está bem melhor do que nos primeiros dias, não me sinto confortável sentada, sinto um peso nas costas e também é desconfortável ficar em pé. Tenho um formigamento na panturrilha da perna esquerda e na planta do pé esquerdo também.
        O Sr.Jorge Miguel tem alguma orientação para me dar? Fico-lhe desde muito agradecida. Grande abraço.

         
        • jorgemiguelcs

          27 de Abril de 2014 at 17:01

          Olá. Também durante algum tempo tinha muitas dores para me virar na cama mas lá passou, ao fim de duas ou três semanas. O meu médico era igual, também não me dizia nada. Durante algum tempo só me senti bem deitado mas depois lá me fui habituando a andar. Não me recordo de sentir nenhum formigueiro após a cirurgia, acho que me passou tudo, acho que tem de insistir com o médico para que explique melhor e se há algum problema.
          As melhoras e alguma coisa que possa ajudar…
          Abraço.

           
      • Vasthi Cleuza Cid Sotelo Lorenzo

        26 de Abril de 2014 at 21:53

        Jorge Miguel, tudo bem?
        Obrigada por suas informações, gostaria de saber se você ficou com adormecimento plantar ou em outra parte, pernas, coxas após a cirurgia?
        Quando você se levantava da cama ou após estar sentado por um tempo, conseguia dar os passos em seguida, ou precisava ficar um pouco tempo parado esperando as pernas se firmarem? Operei dia 04/04/2014 e ainda ando bem devagarinho e não sinto muita firmeza nas pernas. Não posso ficar muito tempo na mesma posição, em pé, sentada ou deitada, começo a ter dores nos quadris, nos glúteos, no cóccix, enfim não me acomodo, não encontro posição para ficar.
        Quanto tempo depois de operado você conseguiu se abaixar, se agachar, pegar algum objeto que caiu no chão?
        Seu médico mandou você fazer fisioterapia com 3 a 4 semanas após operado?
        Meu médico me disse que fisioterapia só daqui uns 2 meses.
        Agradeço pelas respostas.
        Grande abraço,
        Vasthi.

         
        • jorgemiguelcs

          27 de Abril de 2014 at 17:08

          Olá Vasthi.
          Penso que após a cirurgia não senti formigueiro em nenhuma parte do corpo. Durante algum tempo só estava bem deitado mas também se tornava incómodo ao fim de algum tempo na mesma posição. Comecei a fisioterapia cerca de 5 a 6 semanas depois da cirurgia mas antes andei muito mas também me custava. abaixar-me para apanhar algo só após meses, 2 ou 3… custava-me mesmo muito. É custoso os primeiros tempos após a cirurgia mas vale bem a pena quando as dores que se sente antes passam.
          Espero ter ajudado mas de qualquer modo alguma dúvida é só escrever.
          As melhoras Vasthi.
          Abraço.

           
          • gorete

            6 de Janeiro de 2015 at 11:35

            Ola Jorge,que bom ver seus comentários sobre sua cirurgia e recuperação,estou ansiosa vou passar pelo mesmo procedimento dia 27 próximo,tenho muito medo de ficar impossibilitada de algum movimento,espero que não.Abraço

             
  23. maria lucia de almeida santos

    14 de Maio de 2014 at 19:00

    olá meu nome é maria lucia gostaria de saber em qual caso se faz a cirurgia minimamente invasiva

     
  24. maria lucia de almeida santos

    14 de Maio de 2014 at 19:01

    em relação a cirurgia de espondilolistese

     
  25. Anónimo

    14 de Maio de 2014 at 20:14

    Ola! Eu fiz a cirurgia a 1 mes e 10 dias.. mas continuo com as dores que tinha, e ainda pior.. estou cheia de medo que nao tenha resultado 😦

     
    • jorgemiguelcs

      30 de Junho de 2014 at 10:06

      Olá
      Já falaste com o médico? Pode ter uma explicação para isso.
      As melhoras e espero que esteja tudo bem.
      Abraço

       
  26. Paulo Roberto

    29 de Junho de 2014 at 17:43

    Ola operei dia 25/06/2014 e no dia 26 ja foi retirado o dreno e tive permissão pra caminhar no dia 27 tive alta hospitalar tenho alguma dificuldade em me virar na cama , mas a melhora dia a dia e visível. Os relatos que li aqui me ajudou muito e espero poder ajudar com minha experiência também abraços . Whatsapp 11 967241389

     
    • jorgemiguelcs

      30 de Junho de 2014 at 10:08

      Olá Paulo
      Comigo foi igual, era muito doloroso virar-me na cama mas foi temporário…
      As melhoras e que tudo corra bem.
      Abraço.

       
  27. Danielle

    11 de Julho de 2014 at 14:06

    Bom dia! Há cerca de um ano fui diagnosticada com espondilolistese grau III S1L5, como a maioria. Tenho muitas dores na hora de levantar da cama pela manhã…quer dizer não consigo sequer dormir na cama, só de rede (não sei se vcs costumam ou conhecem a rede…rsrsr) …durante o dia as dores costumeiramente não vem, mas tenho períodos de crise com dores maiores na perna direita…Estou APAVORADA…com muito receio mesmo de fazer a cirurgia, que por sinal já esta marcada para o próximo mês.
    Gostei muito de ter encontrado vcs para que possamos trocar experiências…mas confesso que os depoimentos não me deixaram mais tranquila.. ainda estou uma pilha de nervos, principalmente quando o Jorge falou que passou sete meses para que voltasse ao trabalho!!!!!!!!
    Eu sou advogada e trabalho sentada em frente a um computador na maioria do tempo, será que vou precisar de tanto tempo para voltar ao trabalho e as minhas atividades cotidianas?
    Obrigada pela ajuda, desde já!

     
    • jorgemiguelcs

      31 de Julho de 2014 at 11:29

      Olá Danielle,
      Como o meu trabalho exige um certo nível de esforço fisico, que também envolve segurar pesos, foi-me aconselhado pelo médico que esperasse até que ficasse tudo bem curadinho antes de voltar ao trabalho mas penso que no seu caso talvez não precise de tanto tempo, nada como perguntar ao médico. Eu tambén estava com medo mas não podia continuar como estava. Boa sorte, que tudo corra bem e vá dando noticias.
      Abraço.

       
    • jerfson

      20 de Agosto de 2014 at 23:48

      Oi Daniela vc poderia mim dar uma orientação, desde de 2007 fui diagnosticado cm a espondilolistese grau 2, tenho dor cronica, vivo a base de medicamentos cm oxicontim,
      o medico, mandou uma carta, para a empresa que eu precisa fazer, tratamento especializado, e talvez eu poderia voltar as minhas funções normais, e mesmo assim eles mim mandaram embora!
      a empresa a gil de forma correta? detalhe trabalhei nesta empresa por quase nove anos.

       
  28. Ricardo Carvalho

    13 de Agosto de 2014 at 20:39

    Boa tarde. Tenho dores na lombar desde que me conheço por gente, e nunca consegui ir a fundo no que está ocorrendo. Tenho 29 anos e estou com o grau II na L5 e SI. Trabalho sentado e não consigo ficar sentado por mais de 20 min. Sinto dores todos os dias e começarei segunda – feira a minha fisioterapia.
    Uma das minhas vértebras tem apertado dois nervos da perna e isso tem doido muito.
    Passarei amanhã com outro ortopedista especializado em coluna, então terei uma segunda opinião.
    Meu medo é ficar muito tempo sem trabalhar! Ficarei na caixa, mas sou rimo de familia, pois tenho minha esposa, filho, sogra e cunhado para sustentar!

    Estou na espera de um milagre!

     
    • jorgemiguelcs

      21 de Agosto de 2014 at 20:28

      Olá Ricardo

      Posso dizer que fiquei sem trabalhar após a cirurgia por cerca de 7 meses, ainda tentei durante 5 fisioterapia e outros tratamentos mas não resultou. A pessoa indicada para responder a essa dívida é o próprio médico ortopedista mas fiquei 7 meses após a cirurgia porque o meu trabalho requer muito esforço, talvez fosse mais cedo se não fosse esse o caso. Boa sorte e que tudo corra bem :-).

      Abraço.

       
  29. daniel

    17 de Agosto de 2014 at 16:55

    Ola , boa tarde vou ser operado esta sexta feira dia 22 e estou com bastante medo o meu probolema e listese grau 3 na l5 s1 eu sou empregado de mesa e tenho de estar em pe 8 a 9 horas por dia quanto tempo axa que é a recupracao ???

     
    • jorgemiguelcs

      21 de Agosto de 2014 at 20:30

      Olá Daniel

      Posso dizer que fiquei sem trabalhar após a cirurgia por cerca de 7 meses, ainda tentei durante 5 fisioterapia e outros tratamentos mas não resultou. A pessoa indicada para responder a essa dívida é o próprio médico ortopedista mas fiquei 7 meses após a cirurgia porque o meu trabalho requer muito esforço, talvez fosse mais cedo se não fosse esse o caso. Boa sorte para a cirurgia e que tudo corra bem :-).

      Abraço.

       
  30. jerfson

    20 de Agosto de 2014 at 23:36

    boa noite a todos
    tenho espondilolistese grau 2 l5 s1 sinto muitas dores por muitas vezes caimbras, ja fiz quase todo tipo de tratamento, e não resolveu, pra ajudar fui mandado embora da empresa e não consigo trabalhar, o que ue faço?

     

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: