RSS

medo #4

13 Out

Por maior ou por mais infinito que o amor possa ser, o medo pode ser infinitamente maior, minando ou, mesmo, matando algo tão divinamente grandioso e infinito como o amor pode e deve ser. Já o disse antes, o medo é uma brisa que apaga a chama da vida, mas também do amor… e quando essa brisa não é brisa, é um vento forte ou uma tempestade… O medo pode ser nosso aliado, prevenindo-nos de tudo o que há de mau, pode ser a nossa vida mas, pode ser a nossa morte em vida.

Anúncios
 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 13 de Outubro de 2011 em amor, medo

 

Etiquetas: ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: