RSS

Arquivo da Categoria: animal de estimação

nina II

Já chegaram os resultados da biopsia que a minha nina fez, ela tem lúpus

a minha nina, coitadinha, ainda sob o efeito da anestesia.

Definição

O Lupus Eritematoso Sistémico (LES) é uma doença inflamatória sistémica em que o sistema auto-imune do cão ataca os seus próprios tecidos nomeadamente os rins, articulações, pele e vasos sanguíneos. Uma vez que vários órgãos são afectados esta doença possui um carácter grave e sintomas muito diversos. Os cães de raça Pastor Alemão estão predispostos a esta doença e ela pode também ocorrer após a administração de alguns medicamentos ou após algumas infecções.

Sintomas

Para além de inespecíficos o LES pode ter um início lento e prolongado ou traduzir-se por um episódio agudo. Estes episódios variam na gravidade podendo desaparecer por longos períodos de tempo com a medicação adequada, ou progredir até situações fatais. Os sintomas dependerão dos órgãos mais afectados pela doença:

    • Inflamação das articulações.
    • Anemia.
    • Trombocitopenia (plaquetas diminuídas).
    • Dermatites.
    • Hemorragias.
    • Febre.
    • Aumento dos gânglios.
    • Insuficiência Renal.
    • Úlceras orais.

Causa

As causas ainda são desconhecidas. Pensa-se que exista uma predisposição genética em alguns indivíduos e que após exposição a um estimulo (medicamento, infecção) a reacção inflamatória se desenvolva provocando os sintomas descritos.

Exames e testes de diagnóstico

Normalmente são necessários realizar vários exames para diagnosticar LES: hemogramas, punção articular, biópsias de pele, ecografia, ecocardiografia e análises de urina poderão ser necessários A pesquisa de anticorpos anti-nucleares (ANA) ajudam a confirmar o diagnóstico.

Complicações

A anemia e a insuficiência renal são duas complicações potencialmente fatais do LES. Outras complicações poderão surgir associadas aos efeitos secundários das medicações utilizadas no seu tratamento nomeadamente infecções secundárias, úlceras gastrointestinais.

Tratamento

O tratamento é feito à base de corticosteróides (“cortisona”) podendo ser necessário recorrer a outras medicações. Começa-se com doses elevadas de medicação e depois inicia-se um desmame progressivo ao longo de semanas ou meses.

Prognóstico

O prognóstico é bastante variável: alguns cães podem viver bastantes anos sem grandes problemas ajudados por medicação períodica. Outros animais não respondem à medicação podendo terminar em fatalidades.

Fonte: http://www.hvp.pt/2010/03/10/lupus-eritematoso-sistemico-no-cao/

 

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 20 de Julho de 2011 em animal de estimação, nina

 

Etiquetas: ,

nina

Hoje foi a vez da nina ser submetida a uma intervenção cirúrgica. Foi esterilizada e fez uma biopsia a um papo que tinha nas costas, além de lhe terem visto o que tinha na nariz, rasparam-lhe o nariz porque tinha uma camada anormal branca. Quando a fui buscar ainda estava toda desorientada, parecia que estava a dormir em pé. Ficou a descansar, ainda está sob o efeito da anestesia, está calminha. Espero que corra tudo bem.

a minha nina, coitadinha, ainda sob o efeito da anestesia.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 5 de Julho de 2011 em animal de estimação, nina

 

Etiquetas: ,

a minha nina

sempre a descansar a meu lado, a minha nina, pelo menos faz-me companhia…

nina

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 29 de Março de 2011 em animal de estimação, companhia, nina

 

Etiquetas: , ,

 
%d bloggers like this: