RSS

Arquivo de etiquetas: solidão

amor #61

“É certo, afinal de contas, que neste mundo nada nos torna necessários a não ser o amor.”

Johann Wolfgang von Goethe

Anúncios
 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 13 de Julho de 2012 em amor, angústia, solidão

 

Etiquetas: , ,

solidão #16

“Estranhos não são as pessoas que não se conhecem: estranhos são aqueles que, estando ao pé de nós, parecem nunca perceber o que se passa connosco.”

Eduardo Sá

Fez hoje uma semana que um colega de trabalho e amigo se suicidou… Talvez nunca o tenham entendido, talvez não quisesse ser entendido. Já me fiz infinitas questões para as quais não encontro respostas. Ninguém encontra, talvez quem as saiba entenda as razões que o levou a tal acto. Por mais que custe a quem te conhecia amigo, resta-nos a tua memória… Descansa em paz…

 
1 Comentário

Publicado por em 3 de Julho de 2012 em solidão, suicídio

 

Etiquetas: ,

memórias #4

“A memória é o espelho onde observamos os ausentes.”

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 24 de Abril de 2012 em memória, solidão

 

Etiquetas: ,

de que vale #2

Sinto-me assim outra vez, espero que só hoje…

just an earth bound misfit... i

De que vale…

De que vale…
o meu olhar?
Se vivo na cegueira de não te ver…

De que vale…
o meu coração bater?
Se não bate em sincronia com o teu…

De que vale…
o calor do meu corpo?
Se vive na frieza da tua distância…

De que vale…
o meu reino?
Se vivo na ausência da minha rainha…

De que vale…
o mundo ser um jardim?
Se não te posso oferecer uma rosa…

De que vale…
a minha vida?
Se vivo na morte de não te ter…

De que vale…
a minha alma?
Se não está entrelaçada com a tua…

De que vale…
tudo?
Se tenho o nada…

De que vale…
a felicidade?
Se vivo na tristeza da tua distância…

De que vale…
todo o mundo?
Se vivo na solidão da tua ausência…

De que vale…
o sorriso?
Se me caem lágrimas…

De que vale…
a liberdade?
Se…

View original post mais 63 palavras

 
1 Comentário

Publicado por em 19 de Abril de 2012 em sofrimento, solidão

 

Etiquetas: ,

vida #65

Se a vida fosse um livro…

Se a minha vida fosse um livro, teria infinitos capítulos repletos de páginas escuras, páginas riscadas, histórias tristes que não consigo apagar. Páginas que, ás vezes, gostaria de rasgar, de eliminar da minha memória. São escassas as páginas alegres, cheias de cor, muito escassas. Agora não passam de páginas em branco, páginas em que não sou capaz de escrever a história feliz que quero, não consigo escrever o futuro que desejo, e as páginas vão passando, assim, dia após dia, em branco, vazias, inertes… Não sei como escrever o romance mais lindo do mundo nestas páginas do livro da minha vida desde que a solidão da tua ausência me levaram ao vazio da minha existência, em que as lágrimas borrariam cada letra de cada palavra que escreveria…

O que escrever? Não tenho palavras que possam substituir o vazio da tua ausência...

 
4 Comentários

Publicado por em 6 de Abril de 2012 em amor, solidão, vida

 

Etiquetas: , ,

Na Solidão da Noite

Caminho pela noite solitário.

Sem temer a escuridão…

Ouço meus passos na solidão…

Onde minha alma é envolvida por sonhos sanguinários.

Sou a sombra que envolve o seu sonho…

Sou a morte que leva tua vida,

Com um beijo de minha boca gélida…

E ao final da noite estou sozinho…

Vivo na escuridão,

Só a espera de uma alma,

Na qual trará a calma,

Ao meu coração perturbado pela solidão…

Meus desejos vagam por essas noites,

Em busca de um amor,

No qual possa me tirar essa dor…

Minha alma melancólica,

É vitima da saudade de outrora…

Hoje só me resta esse coração que chora,

Por um tempo que não volta…

Lady of the Night

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 14 de Fevereiro de 2012 em alma, dor, solidão, spectrumgothic

 

Etiquetas: , , ,

dia dos namorados…

Dia triste, hoje, mais triste do que é costume. Dia mais solitário do que todos os outros. Dia em que a solidão me doeu mais intensamente, me magoou mais profundamente… Tudo passará, tudo passa. Enquanto não passa, vai doer e vai magoar… Para todos vós que não passais este dia sozinhos mas com o vosso amor, desejos de um lindo dia dos namorados. Não se esqueçam e não poupem esforços para mostrar a quem ama a verdadeira importância que tem para vocês.

 
Deixe o seu comentário

Publicado por em 14 de Fevereiro de 2012 em amor, dor, sofrimento, solidão

 

Etiquetas: , , ,

 
%d bloggers like this: